Pecados Sagrados, de Nora Roberts

|

Mais um livro da consagrada Nora Roberts, autora de mais de 200 romances, mas que foge um pouco das suas habituais histórias românticas, e como já em outras resenhas citaram,  nos faz lembrar vagamente o estilo policial que ela utiliza na Série Mortal, sob o pseudônimo de JD Robb. Pecados Sagrados (Sacred sins) tem uma história policial romântica, com protagonistas cativantes e um enredo convincente.  Escrito originalmente em 1987, foi lançado por aqui em 2009 pela Bertrand Brasil. 

Pecados Sagrados
Nora Roberts

O corpo de uma jovem é encontrado nas ruas de Washington D. C., mas curiosamente estrangulada  por um amicto de padre, branco, com fios de ouro... E com um bilhete que torna o assassinato ainda mais curioso: Seus pecados lhe são perdoados. O assassino vem assolando as ruas, atacando moças jovens que tem em comum a aparência: loiras e de estaturas medianas.  A polícia passa a investir todos os seus esforços para encontrar o assassino enlouquecido. Para investigar esse caso estão os melhores detetives de homicídios do Departamento de Polícia, os parceiros Ben Paris e Ed Jackson. Ben, com um encanto indolente e uma aparente despreocupação, é durão, tem a mente afiada e instinto astuto. Ed é seriamente meticuloso, eficiente, bem-humorado e tranqüilo.  No entanto, nenhuma novidade surge no caso e a mídia pressiona para que a investigação se resolva logo e o assassino, que a impressa passa a nomear de “Padre”, seja preso o mais rápido possível. 

Para ajudar na investigação, a polícia recorre a uma eficiente psiquiatra para delinear um perfil para o assassino, a Dra. Tess Court, neta de um feroz senador e indicada pelo prefeito. Quem não gosta nem um pouco da idéia é Ben, que só quer descobrir logo o assassino que tem matado jovens inocentes. Para Tess o assassino está perturbado mentalmente , ou seja, um doente que precisa de ajuda. Para Ben, o assassino é alguém que merece pagar pelos seus crimes. Entre Ben e Tess há um certo atrito profissional, já que o detetive parece guardar uma certa descrença na psiquiatria. Contudo, a beleza e sensualidade de Tess não passa despercebida por ele e, com o tempo, Ben começa a enxergar a mulher inteligente, sensível e sensata que há por trás da fria e a elegante psiquiatra, e a atração irresistível entre eles logo fica evidente.

Agora que os dois estão juntos na investigação e no encalço daquele está matando as jovens inocentes, o perigo parece rondar perto e imperceptível nas sombras...  Desvendar as motivações desses crimes e pegar o assassino não será fácil! A grande questão é: seria o autor dos crimes um assassino frio e psicótico ou um homem com uma séria crise de perturbação mental, que apenas precisa de ajuda? 

***
Pecados Sagrados é o primeiro livro da série Detetives de Washington D. C., que contam a história dos parceiros Ben Paris e Ed Jackson. A história do Ed está retratada em Virtudes Indecentes, o segundo volume, que já li e, na época, confesso que não gostei muito  da trama policial, pois achei que careceu de um suspense mais desenvolvido e o romance do casal quase sem graça. Nesse primeiro volume, eu tendo a pensar que a autora falhou um pouco no desenvolvimento do suspense, mas achei o enredo mais persuasivo e intrigante, com a mistura da análise psiquiátrica com a investigação policial. 

Ben tem charme, instinto e dureza. Tess tem força, inteligência e determinação. Ambos possuem profissões que lidam com complexidades humanas. O casal, no decorrer da trama, tem um relacionamento bem construído, não muito fácil, mas que vão aos pouco superando seus preconceitos,  conhecendo um ao outro e aceitando seus sentimentos. Isso foi o mais bacana na história. Há também um humor bem sutil na trama, principalmente, nos momentos que envolvem a dupla de detetives. Apenas a conclusão eu achei que foi fracamente elaborado, criando uma situação forçada no final. 

Apesar de não ser muito surpreendente, a história é muito boa! O foco é o relacionamento do casal e suas dificuldades, mas a trama policial é o que torna a leitura dinâmica. Adoro Nora Roberts, e para quem conhece seu estilo, Pecados Sagrados pode agradar. Uma leitura para quem gosta de uma trama policial despretensiosa, mas com uma história de amor sensual e envolvente. =)
Classificação:




Trecho de Pecados Sagrados:
“Ben manteve uma das mãos no braço dela ao abrir a porta. Deixou-a entrar, mas não iria deixá-la escapulir. Ainda não. Tão logo entrou, Tess lançou outro olhar a Ed, decidiu que era real e desviou-o para Ben. Também. E ele continuava segurando seu braço. Sorrindo, ela ergueu uma sobrancelha.
— Policial, informo que, se me prender por ataque, eu vou dar queixa de brutalidade policial. — Quando ele sorriu, ela sentiu alguma coisa dar um clique. Então não era tão inofensivo quanto achara. — Agora, se me der licença...
— Esqueça as acusações. Se precisar resolver uma multa por estacionamento...
— Sargento...
— Detetive — ele corrigiu. — Ben.
— Detetive, talvez eu aceite sua oferta outra hora, mas no momento estou meio atrasada. Se quiser ser útil...
— Sou um funcionário público.
— Então pode soltar meu braço e me dizer onde encontro o capitão Harris?
— Capitão Harris? Homicídios?
Ela viu a surpresa, a desconfiança, e sentiu o braço livre. Intrigada, inclinou a cabeça e retirou o chapéu. Os cabelos louro claros caíram-lhe sobre os ombros.
— Isso mesmo.
Ben deslizou o olhar pela queda dos cabelos e tornou a olhar o rosto dela. Não se encaixava, pensou. Ele desconfiava de coisas que não se encaixavam.
— Dra. Court?
Sempre era necessário um esforço para enfrentar descortesia e cinismo com graça. Tess não se incomodou em fazê-lo.
— Isso mesmo mais uma vez... Detetive.
— Você é psiquiatra?
Ela devolveu-lhe um olhar idêntico.
— Você é policial?
Cada um poderia ter acrescentado uma coisa não muito lisonjeira se Ed não desatasse a rir.”

Livros da Série Detetives de Washington D. C.:
1. Pecados Sagrados (Sacred sins) - 2009 >>> Ben Paris e Tess Court
2. Virtudes Indecentes (Brazen Virtue) - 2009 >>> Ed Jackson e Grace McCabe        
Assine o feed do blog ou receba os artigos por e-mail. Siga-me no Twitter para ficar por dentro das novidades que rola no Livros e Distrações!

Compartilhe este post:


6 comentários:

Sweet-Lemmon disse... [Reply]

Eu adorei esse livro. Com certeza, um dos meus favoritos da Nora:)
Ah, gostei mto da sua resenha!

Bjos!
Thaís
@sweet_lemmon
http://umaconversasobrelivros.blogspot.com/

Hérida Ruyz disse... [Reply]

Oi Beli!
Estou com uma pilha de livros da Nora p/ ler em casa e não me sobra tempo. Agora fiquei com vontade de ler. rsrs
Bjs

Nanda disse... [Reply]

Ei Beli,

Gosto muito da Nora, desta série ainda não li nenhum, mas já vi resenhas e gosto da trama. Ainda leio rs, problema que a Nora escreve demais hehe.

bjos

Glaucea Vaccari disse... [Reply]

Não tenho muita vontade de ler os livros da Nora.
Só li um até hoje e não gostei tanto, acabei desanimando de ler outros =/
BJo

Naniedias disse... [Reply]

Adoro livros policiais *-* Mesmo sabendo que a história não é muito surpreendente (o que pode não ser verdade para mim, já que sou uma super lerda) fiquei morrendo de vontade de ler o livro \o/

Mari Sampaio disse... [Reply]

A resenha ficou muito legal... Adoro livros que falam de relacionamentos dessa forma! Também adoro aventura policial!

Beijos.

Mariana Sampaio
Blog Tijolinhos de Papel

Postar um comentário

- Os comentários é um espaço aberto, no entanto todos passam por um sistema de moderação antes de serem publicados.

- Não serão aprovados os comentários:
• Não relacionados ao tema do post;
• Para pedidos de parcerias, vocês pode até me avisar por aqui, mas entre em contato pelo e-mail que para mim é mais fácil organizar. =)
• Com propagandas (spam);
• Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;

Do resto, comente a vontade!!! Deixe sua opinião, sugestões, dicas, etc!

Obrigada pelo comentário!^.^v

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Status

Conteúdo Protegido!!!

Livros e Distrações (2010). Tecnologia do Blogger.

  © Livros e Distrações 2010 - 2011

Back to TOP