Como devemos usar os livros?

|

Como devemos usar os livros?

Meu vizinho usa pra proteger o rosto do sol
Minha vizinha os aglomera e coloca caixas de som em cima deles para torná-las mais altas
Meu amigo roda-os na ponta do dedo
Minhas amigas usam-no como acento de bunda
Minha mãe diz que eles dão dor de cabeça
Meu pai diz que eles dão sono
O que eu faço com eles?
Eu os leio, os compro, os devoro, os empresto, os idolatro.
E você, o que faz com eles?

Allann Xavier
Achei há alguns dias atrás esse poema que reflete de maneira bem simples os usos diversos que destinamos aos livros. Amo livros e ler é a minha paixão. Leio livros com histórias abordando os mais diferentes temas e gêneros: sobrenaturais, fantasias, aventuras, romances melosos, policiais, teen, auto-ajuda, clássicos da literatura, livros acadêmicos, entre outros. Leio qualquer livro, sobre qualquer coisa, desde que estes me despertem o interesse. Ler sempre traz a experiência de viagens e sensações diferentes, por diversos mundos, sonhos e conhecimentos. Ler nós transborda dos mais diversos sentimentos e pensamentos, de alegria, de angústia, de sofrimento, de ansiedade, de surpresa, de raivas, de admiração, de um misto de tudo isso. Na leitura, descubro um pouco daquilo que sou.

Como o autor do texto expõe: Eu os leio, os compro, os devoro, os empresto, os idolatro. Pessoalmente, livros não têm outras utilidades a não ser estas. Confesso que tenho um apego descomedido pelos meus livros favoritos e cuido destes com toda minha vida. Sempre os empresto quando é possível, pois acho que eles foram feitos não para ficarem parados em uma prateleira tomando pó, por mais lindo que seja uma estante cheia de livros. Livros foram feitos para circularem e serem lidos, passados para outras pessoas, e o empréstimo, é claro, é feito desde que estas dispensem o mesmo cuidado e carinho que damos aos nossos preciosos livros. Afinal, não o vamos usá-los como protetor de sol, ou como um acento, ou como um remédio contra insônia!

Para quem gosta de ler e gosta de ler livros, vai entender tamanho amor e cuidado...

Há aqueles que gostam e aprecia a leitura de livros, não importando que seja bom ou não, um clássico literário ou um livro de banca, mas não os tem apego, e passa para outras pessoas, presenteando alguém com eles.

Uma vez, há muito tempo, ouvi uma entrevista de um homem que tinha tantos livros em sua biblioteca, contudo, com o passar do tempo, ele percebeu que não iria ler todos e que estavam ali parados, sem uso, cercados de poeira. E o que ele decidiu fazer com esses livros foi o mais surpreendente, um exemplo. Como presentear um amigo ou parente qualquer com um desses livros nem sempre é garantia de que vão ser lidos, e não ficar encostado, ele decidiu distribuir os livros de uma maneira bastante inusitada: deixando um livro em um banco de praça ou de ônibus, como se alguém o estivesse esquecido ou perdido, para alguém o encontrar, e se interessado em lê-lo, levá-lo consigo. Em cada livro que esse homem deixou por aí, ele escreveu uma mensagem pedindo encarecidamente para que o livro fosse cuidado, lido e passado para outras pessoas, formando assim uma “corrente do bem do livro”. Cada livro que ele deixa em algum lugar, ele fica assistindo até que alguém o leve.

Um ato muito interessante a respeito do que se fazer com um livro, além de ser um imenso incentivo a leitura e possibilitar a circulação de um livro, o tornando também acessível.

Conheço também uma mulher, mãe de uma amiga, que recolhe livros, revistas e jornais, fez uma biblioteca aberta em sua garagem. Todos os dias ela coloca alguns livros em uma estante na calçada para que alguém que esteja passando, se caso interessar, os levar para ler, exigindo o mesmo cuidado com os livros e para que passe para outras pessoas.

Livros são sempre bons companheiros. Há muitas idéias boas para se fazer com um livro depois de lido, passando ou não este livro para frente. O importante é prestar o devido respeito e apreciação que os livros merecem, sem deixar, é lógico, de lê-los.

Eu, de fato, presto culto aos livros que gosto ou não, e tomo o devido cuidado com todos eles. Retenho os meus favoritos comigo, os que não me trouxeram tão boas viagens passo para frente, para alguém que vai saber cuidar bem deles.

Passe essa idéia para frente!


“Os livros são como espelhos; olhando-os, descobrimos quem somos.”



José Luís de Vilallonga
Assine o feed do blog ou receba os artigos por e-mail. Siga-me no Twitter para ficar por dentro das novidades que rola no Livros e Distrações!

Compartilhe este post:


6 comentários:

Lariane disse... [Reply]

confesso que concordo que eles n~]ao devem ficar na estante pegando pó, tem alguns q não consigo emprestar.

Infelizmente, já tive más experiências com isso! :S

Lindo post!

Bjkas

Anônimo disse... [Reply]

Inspirador o seu post.
Precisamos mesmo redescobrir o valor dos pequenos gestos.
obrigada
Mariliz

Mirelli Lohaine disse... [Reply]

A nãoooo!
Que textinho lindo...
E sou do grupo que os lê, os compra, os devora e os amaaaaaaaaaa!
Conclusão, somos do mesmo grupo!!!

Beijão

Polie disse... [Reply]

Gente muito perfeito esse post! *_* Amei o seu blog. ;O
Voltando ao post, o engraçado é que livros me deixam sem dormi e até comer. Tem histórias que são tão boas que eu esqueço do mundo. D:
Não acho legal quem desvaloriza a leitura, afima o ser humano não nasceu sabendo de tudo. E livros ajudam. Sempre!
Expressou o que sinto também. Pena que o Brasil ainda não valoriza o suficiente. :(

beijos :*

ps: estou louca para ler meus novos livros UHSUAH

Hérida Ruyz disse... [Reply]

Oi Beli!
Adorei esse texto. Eu tbm faço parte desse grupo, mas confesso que empresto com dor no coração. kk
Bjs

Meyre_cristina disse... [Reply]

Olá.Lindo post...morro de pena quando vejo alguem se abanando com um livro ou dando para o bebê brincar...os meus,acho que sou meio egoista, só empresto para quem passa por rigorosa seleção...e olha lá...bjks.

Postar um comentário

- Os comentários é um espaço aberto, no entanto todos passam por um sistema de moderação antes de serem publicados.

- Não serão aprovados os comentários:
• Não relacionados ao tema do post;
• Para pedidos de parcerias, vocês pode até me avisar por aqui, mas entre em contato pelo e-mail que para mim é mais fácil organizar. =)
• Com propagandas (spam);
• Com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;

Do resto, comente a vontade!!! Deixe sua opinião, sugestões, dicas, etc!

Obrigada pelo comentário!^.^v

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Status

Conteúdo Protegido!!!

Livros e Distrações (2010). Tecnologia do Blogger.

  © Livros e Distrações 2010 - 2011

Back to TOP